Banca de QUALIFICAÇÃO: CLARICE FERNANDES RODRIGUES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CLARICE FERNANDES RODRIGUES
DATA : 24/02/2021
HORA: 14:00
LOCAL: https://meet.google.com/itb-wtda-pny
TÍTULO:

HORIZONTES PARA UM PLANEJAMENTO URBANO A PARTIR DA PERSPECTIVA DE
GÊNERO – O CASO DE BELO HORIZONTE


PALAVRAS-CHAVES:

Planejamento Urbano; produção do espaço; mulher; gênero; Belo
Horizonte.


PÁGINAS: 60
RESUMO:

Vivemos uma intensa crise global do sistema capitalista, que atinge não só o sistema
econômico, mas também toda a sociedade e todas as nossas instituições. O capitalismo é
antes de tudo um fenômeno social; logo, suas crises são fenômenos igualmente sociais. O
tecnocratismo hegemônico na gestão do capital é o maior agravante de seu potencial (e
de sua ação) socialmente e ambientalmente inconsequente. Assim, é necessário (e
urgente) pensar em diferentes formas de planejar a cidade, através de um urbanismo mais
inclusivo, que desenvolva capacidades e modos diversos e que esteja preparado para
atender a todo o espectro social, incluindo os sujeitos (e sujeitas) invisibilizados(as) nas
atuais formas de planejamento. Incluídas dentre neste rol de sujeitos da sociedade, as
mulheres são excluídas da produção do espaço urbano desde o advento da cidade
industrial – exclusão essa que se mantêm até hoje, adaptada a uma sociedade patriarcal,
hierarquizada e capitalista. Este projeto de pesquisa propõe refletir sobre a
produção/reprodução do espaço urbano com ênfase na relação entre o planejamento e o
lugar que historicamente vem sendo imposto às mulheres no debate sobre a cidade, afim
de avaliar os limites e possibilidades de um planejamento urbano inclusivo a partir da
incorporação da perspectiva feminista. O objetivo é verificar como as questões de gênero
foram incorporadas no planejamento urbano da capital mineira a partir da Carta Mundial
pelo Direito à Cidade (2006), com foco nas três últimas gestões municipais da Prefeitura de
Belo Horizonte (Fernando Pimentel, Márcio Lacerda e Alexandre Kalil), no período de
2005-2021. Busca-se, a partir deste estudo sobre o planejamento urbano institucional,
reconhecer limites, avanços e possibilidades para um planejamento mais abrangente e
que contemple as demandas de todas e todos.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1849176 - DANIELA ABRITTA COTA
Interna - 2097125 - TATIANE MARINA PINTO DE GODOY
Externa à Instituição - NATALIA AGUIAR MOL - UFMG
Notícia cadastrada em: 27/01/2021 10:46
SIGAA | NTInf - Núcleo de Tecnologia da Informação - +55(32)3379-5824 | Copyright © 2006-2021 - UFSJ - sigaa02.ufsj.edu.br.sigaa02