Banca de DEFESA: CRISTIANE DE OLIVEIRA RENO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CRISTIANE DE OLIVEIRA RENO
DATA : 11/08/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Campus Centro-Oeste
TÍTULO:
AVALIAÇÃO BIOQUÍMICA DO EFEITO DA HIDROXIUREIA EM ERITRÓCITOS TRATADOS IN VITRO.

PALAVRAS-CHAVES:
Hidroxiureia, eritrócito, metabolismo energético, sistema
antioxidante, espécies reativas de oxigênio e membranas.

PÁGINAS: 125
RESUMO:
A hidroxiureia (HU) é um fármaco de baixo custo, de fácil administração oral e
amplamente utilizado em doenças como a anemia falciforme (AF) e em diferentes
tipos de câncer. Os efeitos da HU sobre o eritrócito ainda não são totalmente
esclarecidos. Em nosso trabalho avaliamos os efeitos da HU sobre o perfil de
indicadores de estresse oxidativo, a atividade de enzimas do sistema antioxidante, do
metabolismo energético e o perfil lipídico das membranas em eritrócitos de indivíduos
saudáveis, tratados in vitro. Comparações entre os grupos (controle e tratados com
0,6, 0,8 e 1,5mM de HU) foram realizadas nos tempos de tratamento de 30 minutos e
1 hora. No tempo de tratamento de 30 minutos houve aumento significativo em quase
todos os parâmetros analisados entre os grupos de sangue tratados com HU e o grupo
controle com exceção da atividade da enzima piruvato quinase (PK). Já o tratamento
com o tempo de 1 hora apresentou redução significativa, na concentração de 0,8mM
de HU quando comparada ao grupo controle, em marcadores como peroxidação
lipídica, Fe3+ e atividade de algumas enzimas como glutationa redutase (GR), glicose-
6-fosfato desidrogenase (G6PD) e PK. Nesse mesmo tempo de tratamento a
concentração de 0,8mM, ao ser comparada com a de 0,6mM de HU, reduziu
significativamente o conteúdo de H2O2, a peroxidação lipídica, glutationa reduzida
(GSH) e a atividade das enzimas como: hexoquinase, G6PD e superóxido dismutase
(SOD). HU pode estar estimulando preferencialmente a ativação da via das pentoses
ao invés da via glicolítica, nos eritrócitos, além disso a concentração de 0,8mM parece
ser mais eficiente no que se diz respeito a proteção contra radicais livres e poderia ser
adotada preferencialmente na clínica em doenças como a AF, onde o estresse
oxidativo já é instaurado. Além disso um tratamento com HU direto nas membranas
eritrocitárias (GHOST), foi realizado, no tempo de 20 minutos e foi avaliado a atividade
da Na+ ,K+-ATPase e o conteúdo lipídico das membranas. HU induziu o aumento da
atividade da Na+ ,K+-ATPase e de colesterol nos grupos tratados e foi capaz de
proporcionar modulações na membrana eritrocitária. As diferenças encontradas em
nosso trabalho mostram que os efeitos da HU são dose dependentes e variam de
acordo com o tempo de exposição a mesma.

MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1544462 - HERICA DE LIMA SANTOS
Externo à Instituição - JÚLIO ALBERTO MIGNACO - UFRJ
Interno - 1526269 - LEANDRO AUGUSTO DE OLIVEIRA BARBOSA
Externo à Instituição - LUCI MARIA SANT ANA DUSSE - UFMG
Externo à Instituição - MARIA DAS GRACAS CARVALHO - UFMG
Notícia cadastrada em: 07/07/2020 16:57
SIGAA | NTInf - Núcleo de Tecnologia da Informação - +55(32)3379-5824 | Copyright © 2006-2021 - UFSJ - sigaa02.ufsj.edu.br.sigaa02