Banca de DEFESA: PLINIO DE PAIVA PACHECO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PLINIO DE PAIVA PACHECO
DATA : 01/10/2020
HORA: 16:00
LOCAL: Google meet
TÍTULO:

XEQUE-MATE DEL-REI: UM ESTUDO ACERCA DA IMPLEMENTAÇÃO DE UMA EXPERIÊNCIA COM O JOGO DE XADREZ EM UMA ESCOLA ESTADUAL DE SÃO JOÃO DEL-REI


PALAVRAS-CHAVES:

Ludicidade. Jogos. Xadrez. Fenomenologia.


PÁGINAS: 83
RESUMO:

Este trabalho buscou analisar o jogo de xadrez e seu enquadramento enquanto meio de
intervenção pedagógica. Para a fluidez do texto, ele foi dividido em quatro partes, a
saber: 1 – a ludicidade e a aprendizagem; 2 – os jogos no desenvolvimento humano; 3 –
o xadrez na escola; e 4 – a contribuição da fenomenologia para a entrevista e para a
escola em tempo integral. Especificamente, buscou-se realizar um estudo de caso em
uma escola da rede pública na cidade de São João del-Rei, Minas Gerais, denominada
Escola Estadual Professor Iago Pimentel. Neste estudo, duas turmas foram expostas ao
ensino de xadrez, suas regras e práticas no decorrer do ano de 2018. Elas eram
compostas por alunos entre 9 a 14 anos e as aulas, em princípio, ocorriam
semanalmente. O pesquisador pôde contribuir com sua experiência, uma vez que se
especializou como treinador e formou-se como árbitro do esporte, no ano de 2014. O
estudo foi conduzido na maneira da abordagem qualitativa, optando-se pela técnica de
pesquisa denominada estudo de caso, auxiliada, através da pesquisa bibliográfica, pela
pesquisa documental, entrevista, questionário e observação direta. Para a compreensão
da temática da ludicidade, optou-se pelas referências dos autores Froebel (1912),
Kishimoto (1999; 2002; 2006 e 2012), Winnicott (1975) e Kramer (2008). Já no
capítulo referente aos jogos, buscou-se os apontamentos de autores como Kishimoto
(2012) e Emerique (2004). No terceiro capítulo, em que se aborda especificamente o
xadrez, foram levantados pressupostos de autores como Mohmad Ibrahim (2014) e
Horton (1973). No quarto e último capítulo, buscou-se em André Dartigues (1992) e
Dale (1996) suporte para se desenvolver as entrevistas aos pais dos alunos envolvidos
no projeto, estruturadas a partir dos pressupostos da fenomenologia. Por fim, o estudo
conduziu a uma reflexão sobre a capacidade inerente ao xadrez de interferir de forma
significativa na vida escolar e pessoal dos alunos envolvidos, aumentando suas
habilidades no campo social, cognitivo e interpessoal, conforme sugerem os autores
mencionados, comprovando-se por meio dos depoimentos dos colaboradores do projeto,
bem como de seus pais.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALEXANDRE FILORDI DE CARVALHO - UNIFESP
Interna - 1881988 - MARIA EMANUELA ESTEVES DOS SANTOS
Presidente - 435109 - WANDERLEY CARDOSO DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 15/09/2020 10:10
SIGAA | NTInf - Núcleo de Tecnologia da Informação - +55(32)3379-5824 | Copyright © 2006-2021 - UFSJ - sigaa02.ufsj.edu.br.sigaa02