Banca de DEFESA: JANICE ALEXSANDRA DE OLIVEIRA SILVEIRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JANICE ALEXSANDRA DE OLIVEIRA SILVEIRA
DATA : 10/08/2021
HORA: 15:00
LOCAL: Google Meet
TÍTULO:

CÍRCULOS FORMATIVOS: UMA PROPOSTA CRÍTICO-EMANCIPADORA NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES


PALAVRAS-CHAVES:

Círculos Formativos. Formação de Professores. Emancipação.Dialogicidade. Temas Geradores.


PÁGINAS: 215
RESUMO:

Este trabalho nasce do interesse e do amor construído pela comunidade de Morro do Ferro,
durante nosso trabalho, enquanto professora, envolvida também em ações de preservação
do ambiente natural deste distrito. Sua cultura, seu povo, sua gente proporcionaram a
curiosidade epistemológica pela forma como nossos participantes estabelecem uma
relação com o próprio ambiente que os cerca, em meio a trajetórias permeadas pela
historicidade e senso de coletividade. Assim, tendo com o principal objetivo a construção
de um entendimento acerca da forma como professores de Morro do Ferro, distrito de
Oliveira, em Minas Gerais, constroem sentidos sobre as relações que elas(es) estabelecem
com a sua realidade ambiental a partir de um processo que intenciona fomentar a
problematização, a reflexão e a conscientização a partir dos processos de voçorocamento,
vivenciados como “situações-limite” por esta comunidade, lançamo-nos em uma pesquisa
que assume os preceitos freireanos como referencial teórico-metodológico da
investigação. Para tanto, problematizamos questões intimamente relacionadas ao
cotidiano dos moradores do distrito, por meio de Círculos Formativos, tendo em vista os
Círculos de Cultura, promovidos por Paulo Freire. Buscamos a construção de uma relação
interativa e dialógica entre os participantes da pesquisa. Considerando este objetivo,
abordamos, inicialmente, nossa construção, enquanto professora-pesquisadora,
considerando uma história imbricada, de alguma forma, com a história dos participantes
de nossa pesquisa. Em seguida, apresentamos a concepção problematizadora de Freire,
inspirando-nos em suas experiências, para que nossos Círculos Formativos fossem
construídos. Os encontros com os professores ocorreram de forma online, em decorrência
da Pandemia de Covid-19, ao longo de nove encontros, com duração de cerca de 60
minutos cada um deles. Por meio de nosso processo de investigação temática, no
(re)conhecimento acerca de suas experiências, temas geradores emergiram, com uma
abordagem metodológica baseada na pesquisa-formação: Vida e(m) formação; Cultura,
trabalho e natureza; Fé, lenda e mitificação da realidade; Conhecimento, Educação e
Conscientização. Entendemos os Círculos Formativos como oportunidades para que os
professores pudessem refletir acerca de suas realidades individuais, a forma como lidam
com o ambiente de Morro do Ferro, bem como, pensassem subsídios para sua própria
práxis educativa. Por meio das discussões realizadas nestes Círculos, foi possível pensar
a realidade de Morro do Ferro de uma forma crítica, tendo em vista oportunizar uma
educação libertadora, considerando que são, os docentes, agentes de mudança, não apenas
no ambiente escolar, mas em toda a comunidade. Desaguamos em uma certeza de que a
‘gente’ de Morro do Ferro busca, em meio à fé, à cultura e à troca de conhecimentos,
reafirmar sua identidade, construindo relações pautadas na amorosidade e humanização.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1490352 - BRUNA SOLA DA SILVA RAMOS
Interno - 1927311 - GABRIEL MENEZES VIANA
Externa à Instituição - MARILIA GABRIELA DE MENEZES GUEDES - UFPE
Notícia cadastrada em: 05/08/2021 18:56
SIGAA | NTInf - Núcleo de Tecnologia da Informação - +55(32)3379-5824 | Copyright © 2006-2021 - UFSJ - sigaa01.ufsj.edu.br.sigaa01